insecto

Um patinador distorce a superfície de uma poça de água com as suas pernas.

Ao olhar para um lago, vemos uma superfície suave. Um pequeno insecto que anda sobre água vê um terreno difícil.

Texto: Juli Berwald

Nos pontos onde a água se encontra com um objecto, a superfície deforma-se formando uma minúscula curva. O resultado denomina-se menisco. A maior parte dos insectos que andam sobre água deslizam sobre pequenas bolsas de ar progredindo assim sobre um mundo escorregadio.

De que modo é que estes insectos ultrapassam a curva de um menisco para depositar os seus ovos numa folha ou para fugir a um predador? John Bush e David Hu, investigadores do MIT , dizem que os insectos utilizam o mesmo tipo de forças que mantêm juntos os cereais numa taça de leite.
Ao observarem vídeos, os cientistas viram que um insecto, ao aproximar-se de um menisco, remodela a superfície da água sob o seu corpo (em baixo). Tal como um trampolim ganha energia quando nos colocamos sobre ele, a superfície da água ganha mais energia quando um insecto a distorce. Os insectos utilizam essa energia para ultrapassar o menisco e para fugir dos predadores. 

patinador

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar