bolha de água

Texto: Luna Shyr

Parece uma bolha de ar, mas este glóbulo brilhante está a ser mantido debaixo de água por uma teia de seda para suportar a vida da aranha aquática Argyroneta.

Investigações da Universidade de Humboldt mostram que a espécie pode viver em modo de repouso durante pelo menos um dia com oxigénio transmitido para o interior da bolha pela água, graças a um processo semelhante ao das guelras. O ar viaja por orifícios no corpo da aranha, que absorvem o oxigénio vital. Quando o “sino de mergulho” encolhe, a aranha emerge e substitui-o com ar fresco.

Até a nova geração eclode debaixo de água, dentro do sino. Parecem viver dentro de água para se alimentarem melhor, comendo peixes e outros animais nas águas lentas. 

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar