Texto de Amanda Fiegl

Proporcionalmente, uma gota de chuva sobre um mosquito é equivalente a um carro sobre um ser humano e, no entanto, em períodos de muita chuva os pequenos insectos são atingidos por uma gota a cada 25 segundos.

Como conseguem sobreviver? Segundo uma equipa do Instituto de Tecnologia da Geórgia, o segredo reside em não resistir. “Os mosquitos são tão leves que oferecem pouca resistência. Simplesmente, deixam-se ir”, diz David Hu, o responsável pela pesquisa. Uma gota empurra o insecto para baixo com uma força de 100 a 300 vezes a força da gravidade, o suficiente para esmagar um ser humano, mas os mosquitos têm exosqueletos fortíssimos. Geralmente, deslizam e libertam-se em menos de um segundo. “Se um drone pudesse ser tão leve quanto um mosquito, seria muito resistente”, sonha o cientista. 

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar