Troféu aranha mais pequena da Europa vai para Sesimbra

Na gruta da Lapa do Fumo, nos arredores de Sesimbra, há um ser vivo que parece um grão de pó a voar no breu. 

Texto e Foto Luís Quinta

Estamos a falar da aranha mais pequena da Europa, medindo 0,52 milímetros. A Anapistula atecina foi descoberta pelo Núcleo de Espeleologia da Costa Azul e estudada pelobiólogo Pedro Cardoso que referenciou várias particularidades nesta espécie da família dos sinfitognatídeos nunca encontradas na Europa. Até à data, não foram detectados machos desta minúscula aranha, mas já foram observadas posturas de 1, 2 ou 3 ovos, podendo a reprodução ser feita através de partenogénese.

Um dos parentes próximos desta espécie vive na Costa do Marfim mas em ambiente florestal. É a aranha mais pequena do mundo, Anapistula caecula, com 0,46mm.

Como sucedeu com outras espécies de animais, poderá ter sido o frio de antigas glaciações que “empurrou” a aranha de Sesimbra para o interior de grutas, onde se adaptou e fixou. No processo, acabou por ficar despigmentada. A gruta foi ocupada durante o Neolítico e só com medidas de conservação precisas esta espécie poderá ser contemplada pelas gerações futuras.

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar