Em 1929, a Lei Seca foi um factor de grande influência nas eleições municipais dos Estados Unidos, como neste tribunal do condado de Barbourville, no Kentucky. 

 Texto Eve Conant Fotografia Caufield and Shook, Inc./National Geographic Creative

O candidato republicano a xerife B.P. Walker declarava-se sóbrio e qualificado (assim referia o cartaz em destaque), mas a sua candidatura não foi aceite, pois existiam acusações de corrupção. Com Jennie Walker, no entanto, a história foi diferente. 

A mulher de B.P. Walker, membro do Partido Democrata, tornar--se-ia em breve uma das primeiras mulheres eleitas como xerife no estado do Kentucky. Embora Jennie nunca tenha transportado uma arma, a filha, Doris Broach, contou, numa entrevista em 1982, que, enquanto xerife do condado de Knox, a mãe “prendeu pessoas sempre que necessário”.

A Lei Seca foi revogada em 1933, mas Barbourville manteve-se “seca” muito depois do mandato de Jennie Walker.
A autorização para venda de bebidas alcoólicas foi aprovada por 498 votos contra 433 e aconteceu apenas em… Dezembro de 2015.

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar