O século XII trouxe à Europa uma revolução tecnológica de primeira importância: a siderurgia.

Nos últimos vinte anos, o conhecimento sobre a ocorrência de dinossauros em Portugal aumentou exponencialmente. A identificação de trilhos tem sido uma das ferramentas mais úteis neste processo, a par da descoberta de novos esqueletos fósseis.

Quando a peste varreu Inglaterra na década de 1660, matou cerca de cem mil londrinos. Para sinalizar os pontos atingidos pela doença, eram colocadas “cruzes da peste” nas portas das residências das vítimas juntamente com a frase “Que o Senhor tenha piedade de nós.”

O arranha-céus da Quinta Avenida nasceu com a vocação de deslumbrar desde a sua inauguração em 1 de Maio de 1931.

Um circuito para bicicletas em forma de anel com 360 graus, elevado sobre a estrada, é a resposta da cidade holandesa de Eindhoven aos congestionamentos de tráfego.

A peça pura e simplesmente não se encontrava nas colecções conhecidas. Temia-se que pudesse ter sido dispersada para o estrangeiro ou desviada para uma colecção particular.

Em 24 de Abril de 1917, o submarino alemão U-35 afundou quatro navios mercantes na costa sul de Portugal, ao largo de Sagres e Lagos. 

Originária da China, desempenhou um papel fundamental na navegação e tornou possíveis os Descobrimentos. Com a bússola, os navegadores sentiam-se mais seguros, pois sabiam que rota seguir.

No quinquagésimo aniversário do assassínio de Martin Luther King, como reflectem as ruas os valores e ensinamentos deste símbolo dos direitos civis? 

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar