A rã-arborícola-de-olhos-vermelhos domina de tal maneira a arte da camuflagem que se torna difícil detectá-la na floresta tropical, do Belize.

O deserto de Danakil, na Etiópia, é um dos locais mais quentes do planeta e com maior actividade vulcânica.

Visitantes circulam num labirinto de gelo no Festival Internacional de Gelo e Neve de Heilongjiang, a província mais setentrional da China.

A cidade medieval de Toledo em Espanha merece a classificação de Património Mundial da UNESCO.

No centro da cidade de Roterdão, na Holanda, um condomínio residencial com dezenas de casas encaixadas entre si produzem este padrão.

Na zona geotérmica de Hverir na Islândia, as cicatrizes da superfície da Terra lembram que o planeta está vivo e em constante renovação.

Com cerca de sete milhões de pessoas concentradas em 1.103 quilómetros quadrados, Hong Kong é uma das cidades mais densamente povoadas do planeta.

O "Patinho de Borracha", uma escultura insuflável com 18 metros de altura, esteve em Taiwan.

O festival Holi é uma antiga celebração da tradição hindu, na Índia.

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar