Para protegerem o seu ninho das vespas predadoras, as abelhas assumem uma posição defensiva junto da entrada da cavidade.  Erguem as patas dianteiras e abrem as mandíbulas.

 

Depois de acompanhar cientistas pelas florestas do Parque Nacional de Hainich, na Alemanha, enquanto estudavam abelhas em estado selvagem, Ingo Arndt ficou viciado. Apercebeu-se de que nunca desvendaria os verdadeiros segredos dos insectos se os observasse dentro de uma caixa artificial, desenvolvida por seres humanos com o objectivo de extrair mel. Ele teria de fotografar uma colmeia natural.

Saiba mais em Os segredos das abelhas: a experiência de um fotógrafo com um ninho de abelhas selvagens

abelhas

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar