Copenhaga

Com sua paisagem plana, Copenhaga é um destino improvável de esqui.

Um novo projecto, o Copenhill, tem como objectivo juntar o entretenimento e a energia renovável. Copenhill é um enorme edifício na zona marítima industrial da cidade que transforma lixo em electricidade, fornecendo energia a 30 mil casas e aquecimento a mais do dobro.

A sua cobertura inclinada parece perfeita para esquiar… e, na verdade, será utilizada para isso. Acolherá uma estância urbana de esqui, uma parede de escalada e uma cafetaria com vista sobre a capital.

A fábrica é cerca de 25% mais eficiente do que a unidade anterior de incineração de resíduos e captará as suas emissões de dióxido de carbono, em linha com o ambicioso objectivo da Dinamarca de atingir a neutralidade de carbono até 2050. O conceito de queima de resíduos tem detractores: muitos dizem que as unidades de transformação de lixo em energia acabam por reforçar o consumismo. Em 2018, porém, a Copenhill processou quase 500 mil toneladas de lixo que, graças a essa iniciativa, não terminaram nos aterros, emitindo grandes quantidades de metano. 

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar